Tesouro Nacional

Curso Tesouro Direto Descomplicado - Rafael Seabra
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Email -- Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

O que é Tesouro Direto? Um Produto do Tesouro Nacional.

Tesouro Nacional

O Tesouro Nacional em 2002, criou um programa chamado Tesouro Direto. O Tesouro Nacional criou esta parceria em conjunto com a Bolsa de Valores do Brasil, conhecida como, BMF Bovespa.

O intuito era a venda de títulos públicos federais diretamente para as pessoas físicas usando meios eletrônicos, seja usando a Internet, softwares de home Broker, ou home banking dos Bancos.

Além disso o objetivo era democratizar o acesso a estes títulos federais, além de permitir aplicações que começam com valores mínimos de R$30,00.

Até então só era possível, aplicar nestes títulos, de forma indireta, usando fundos de investimentos de renda fixa criados por bancos. Aonde as taxas de administração e performance eram muito altas.

Além de não permitir valores mínimos iniciais muito baixos.

Com a chegada do Tesouro Direto, através do Tesouro Nacional, este investimento contribuiu para complementar as alternativas existentes no mercado, investimentos estes de renda fixa.

Porem o Tesouro Direto chega com diversos tipos de rendimentos sendo eles, prefixados, atrelados à variação da inflação acrescidos de juros ou vinculados a taxa básica da economia brasileira, também chamada de taxa SELIC.

Além dos prazos e tipos de títulos, fica muito fácil encontrar um título que caiba no seu objetivo financeiro e no seu bolso já que os valores mínimos para investimento são de R$30,00.

Assim como outras aplicações é possível acompanhar o rendimento diário, e também possui liquidez diária, o que torna a aplicação financeira com o menor risco do mercado.

Você agora aqui no meu Blog, com a ajuda do Tesouro Direto, vai te ajudar a montar um planejamento financeiro de qualidade e descomplicado.

O que são Títulos Públicos?

Quando os rendimentos podem ser dimensionados no momento em que a pessoa vai investir, caracteriza-se os ativos de renda fixa. O que é o contrario quando falamos ativos de renda variável, por exemplo as ações, ou aplicações em cambio direto, também conhecido como FOREX – Foreign Exchange.

Neste caso com a renda variável é impossível estimar o retorno, este pode ser positivo ou negativo, este valor nunca é estimado no ato da aplicação.

Os títulos de renda variável, possuem uma volatilidade maior, os títulos de renda fixa possuem uma volatilidade menos, imagine um eco-cardiograma onde os riscos são maiores e inconsistentes, este é o caso da renda variável.

Quando estes riscos são menores e apresentam um padrão, este é considerado um titulo conservador, os títulos conservadores possuem um menor risco, o ganho é menor porem é certo.

O Governo, quando criou o tesouro direto, além de democratizar a venda dos títulos para as pessoas físicas, encontrou um forma de tomar dinheiro emprestado, sem ter que recorrer aos mercados externos, onde o juros é maior, dada as circunstancias econômicas e politicas do Brasil.

 

Então, com o tesouro nacional você acaba emprestando dinheiro para o governo, e em troca, recebe uma remuneração acordada, ou seja os juros, na hora em que se compra o titulo, ou a fração do titulo do tesouro direto.

O dinheiro que o governo toma emprestado através deste investimento inteligente, é utilizado para outros investimentos internos que são indispensáveis para que o Brasil cresça e se desenvolva, investimentos em áreas como Educação, Saúde e Infraestrutura.

Com a internet e esta tecnologia do mobile, ou seja da mobilidade, os títulos do tesouro direto são negociados apenas escrituralmente através de transações eletrônicas, ou seja, não existem documentos físicos que representa o titulo.

Existem salvaguardas que garantem o seu pedacinho no titulo, através dos protocolos de negociação, os protocolos ficam atrelados ao valor da transação, do titulo do tesouro direto e do CPF do investidor.

Estes extratos podem ser consultados livremente através da sua conta no site do Tesouro Direto, o governo decidiu criar o tesouro direto, para criar o investimento de menor risco do país, o Tesouro Nacional garante 100% dos títulos, o Brasil se caracteriza por ter excelente grau de investimento pelas agencias internacionais de classificação e risco.

A Standard Poor’s, Fitch e Mood’s consideram os títulos do tesouro direto um excelente ativo de investimento independente da situação econômica e politica do país.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Email -- Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×